Espanhol Português Inglês
Novidade - Cotação Online
GUIA ONLINE
DE FORNECEDORES
Consumíveis Não Cons. Serviços Empresas
Busca Geral
Participe agora mesmo
CADASTRE-SE AGORA MESMO!


Voltar

Sora Lella: Meio metro de pizza, à grande e à italiana

O dono do restaurante Il Matriciano abriu uma pizzaria na porta ao lado. E fê-lo em grande, a começar no tamanho das pizzas: as maiores, para partilhar, têm meio metro de comprimento e alimentam até cinco pessoas.

O espaço da novíssima Sora Lella vai parecer muito familiar aos antigos clientes do Il Matriciano al Mare. Não admira: é exatamente o mesmo. "Antes tinha uma cozinha muito pequena no Il Matriciano, por isso é que fiz um segundo restaurante só com pratos de peixe. Mas agora fiz obras, alarguei a cozinha, e por isso posso fazer todos os pratos no mesmo restaurante", explica Alessandro Lagana, o dono, acabadinho de regressar de Itália, onde vai todas as semanas buscar produtos.

Ou seja, o Il Matriciano al Mare, a sequela marítima do Il Matriciano, deixou de fazer sentido enquanto casa independente. Assim, os pratos que ali se serviam foram adicionados à carta da casa-mãe e no seu lugar, após uma rápida remodelação, nasceu esta Sora Lella, uma pizzaria peculiar. Que o é por várias razões.

O nome Sora Lella é uma homenagem à trattoria romana homónima, cujo nome de batismo era, também, o pseudónimo da sua fundadora, a cozinheira e atriz italiana Elena Fabrizi. Alessandro Lagana conta a história: "Tenho boa relação com o filho dela, que é o atual dono do restaurante. Então perguntei-lhe: 'Incomodas-te se fizer algo em Lisboa com o nome Sora Lella?" E ele disse que não, pelo contrário, que até ficava contente."

Ora, estando a sala decorada com fotografias de diversas figuras do cinema italiano, é natural que Sora Lella seja uma delas. Mas há outras, como Alberto Sordi ou Sophia Loren. Ambos, curiosamente, a comer spaghetti.

Só que spaghetti (ou qualquer outro tipo de massa, na verdade) é coisa que não entra nesta cozinha. As estrelas da companhia são as pizzas retangulares, de meio metro de comprimento, que podem trazer até três ou quatro combinações de ingredientes. "Estamos a ter um bom sucesso com as pizzas à fatia, o espaço que fiz com a Constança, da Nannarella [La Pizza di Nanna], por isso decidimos apostar neste conceito. São pizzas muito semelhantes, retangulares", descreve Alessandro.

Os crostini são boas opções de entrada. Destaque para o que combina mozzarella e molho de trufa.

Mas não é a forma que as torna especiais, antes o facto de serem pensadas para partilhar. "Uma pizza destas dá à vontade para 4 ou 5 pessoas", avisa o anfitrião. A avaliar pelo exemplar apresentado, dá, de facto, e sem que ninguém se chateie, já que é possível juntar três ou quatro combinações diferentes, batizadas, também elas, com nomes de famosos italianos, como Francesco Totti (mozzarella, salsicha e grelos), Guido (mozzarella, tomate, gorgonzola, salame picante e azeitonas) ou Valentino Rossi (mozzarella, tomate, fiambre, cogumelos, alcachofras, azeitonas e ovo cozido), entre outros.

Não se assustem, porém, casais e comensais solitários: também há doses individuais. E antipasti diversos para servir de entrada, com destaque para as arrosticini di pecora, umas espetadinhas de ovelha suculentas, que Alessandro traz de Abruzzo. "É a típica street food daquela região", adianta. Tal como o queijo (provolone) frito, aliás, outra das opções para dar início à refeição. ?Não é para fazer dieta, mas é uma delícia, capisce?" Capiamo, Alessandro, capiamo




Telefone:

+55 11 5524-6931

Fique conectado:

Curta nossa Fanpage:
facebook.com/Revista-Pizzas-Massas

© EDITORA INSUMOS LTDA.

Av. Sargento Geraldo Santana,
567 – 1º andar
CEP 04674-225
São Paulo, SP - Brasil

001
script>